Ciências Naturais (8º ano)

2014/2015 | Profª Catarina Reis

Visita de Estudo ao Planetário de Lisboa 2 de Março de 2010

Filed under: Sem categoria — Catarina Reis @ 18:04

Qual a relação entre Ciência, tecnologia, Sociedade e Ambiente?

 

5 Responses to “Visita de Estudo ao Planetário de Lisboa”

  1. Mariana C. Says:

    Relação entre ciência, técnologia, sociedade e ambiente.

    Hoje em dia há uma grande diversidade de fibras sintéticas que conferem propriedades espectaculares ao vestuário. A moda é profundamente afectada pela introdução de novos materiais, com novas propriedades, maior comodidade e diferentes formas. São os próprios estilistas que introduzem tecidos feitos a partir das novas marcas de fibras sintéticas.
    O desporto também serve de banco de testes para lançamento de novos produtos.
    O uso dos materiais plásticos tem permitido não só uma economia de outros materiais e de mão-de-obra, como tem facilitado certas tarefas e permitindo o desenvolvimento de novas actividades relacionadas com o desporto, a saúde, a alimentação, a cultura e o lazer. Alguns exemplos como fabrico de mobiliário plástico, construção de veículos de transporte, o uso de sacos de plástico na agricultura.
    Igualmente importante é a investigação com vista à criação de novos plásticos biodegradáveis, isto é, que se decomponham sob a acção de microrganismos.
    Os novos materiais constituem uma área de investigação científica de ponta, associada a investigação tecnológica e ao desenvolvimento tecnológico.

    Mariana Cruz
    8ºB
    Nº18

  2. francisco ramos nº5 8ºb Says:

    Desde a muito tempo a ciência, a tecnologia, a sociedade e o ambiente estiveram ligados. A ciência evoluiu com o avanço da tecnologia como por ex. o telescópio, mas sempre foi muito contestada pela sociedade em especial pela igreja como o modelo heliocêntrico. Com o ambiente, sempre estive ligada pois foram descobertas varias coisa para a ciência com a observação de animais e plantas. A tecnologia foi avançando com a sociedade pois todos os cientistas começaram por ser pessoas como todos nós. Com o ambiente a mesma coisa dado que muitos dos materiais de hoje em dia são inspirados na natureza. A sociedade evolui com a observação da natureza pois não sobrevive sem ela e em todas as construção de hoje em dia são estudadas a nível de impacto ambiental.

  3. Inês Pássaro Says:

    Boa noite professora, queria lhe pedir para me explicar melhor o conteudo do trabalho sobre “Ciência, ecnologia, sociedade e ambiente”. Se pudesse explicar o mais rapidamente possivel, agradecia!
    Obrigada, Inês Pássaro, 8º B

  4. Inês Pássaro Says:

    Relação entre Ciência, Tecnologia, Sociedade e Ambiente

    No passado dia 3 de Março, fui com os meus colegas do 8ºB e de outras turmas ao Planetário Calouste Gulbenkian – Centro Ciência Viva e a partir dos meus conhecimentos adquiridos nesta visita, consegui conjugar estes 4 temas.
    O planetário tem como missão promover o interesse pela Astronomia divulgando os conhecimentos ciêntificos relativos ao Universo e ao Espaço, sendo um órgão de natureza cultural da Marinha Portuguesa.
    Nesta sessão de 60 minutos do programa 5 (destinado a 10º, 11º e 12º de escolaridade), penso que essa missão foi cumprida.
    A palavra ciência pode ser compreendida como a forma mais elevada do saber e conhecimento humano sendo verdadeira e por outro lado leva-nos a pensar nas actividades de produção de conhecimento que estão relacionadas com universidades, laboratórios, sociedades para a promoção do saber, etc…, portanto com instituições como é o caso da nossa visita.
    Estas instituições juntamente com investimentos e progressos técnicos transformaram, a pouco e pouco, a nossa vida diária, desde a revolução industrial do século XIX.
    A aplicação prática da Ciência constitui a tecnologia e relaciona-se com a sociedade e o ambiente em que se vive.
    A Ciência só se desenvolve em determinadas circunstâncias na sociedade. Um exemplo, o nascimento da Ciência Ocidental na Grécia do século V a.C está ligado ao aparecimento de um espaço público, necessário para a discussão democrática. Mas não havia meios tecnológicos na ciência grega porque o investimento na tecnologia era mínmo numa sociedade onde existia a escravatura.
    A Ciência moderna envolve interesses económicos nunca vistos. O futuro das sociedades e do Ambiente que as envolve está ligado ao da ciência.
    A Ciência (as nossas ciências) depende da expansão demográfica pela qual é responsável.
    A Ciência , através da sua aplicação prática que é a tecnologia está voltada para fazer certos tipos de objectos e para uma certa forma de utilização dos recursos naturais.
    Estes recursos disponíveis, num certo momento são limitados (sempre). O desenvolvimento cientifíco sempre foi criticado. Principalmente porque está voltado para a mudança e para o futuro. Por isso é preciso saber orientar os investimentos na ciência.
    Para que a aplicação prática das ciências, as tecnologias, estejam ao serviço do desenvolvimento das sociedades e por consequência do Homem num respeito pelo Ambiente em que vivemos.
    A produção de energia, a cura das doenças, o estudo de línguas, a automatização da comunicação humana ou a pesquisa sobre as origens do homem são exemplos desse investimento na Ciência.
    Ao falarmos do Geocentrismo onde abordámos o conceito de “Mundo” para alguns filósofos da Antiguidade, do sistema de Ptolomeu, do Heliocentrismo desde Copérnico até à actualidade até ao sonho de voar! Passando por satélites artifíciais e naves espaciais.
    Com a chegada do Homem à Lua, um novo impulso da investigação espacial que nos leva à pergunta inevitável: “Que futuro?”
    Mas o sistema de projecção, fabricado pela empresa alemã ZEISS usa a moderna tecnologia das fibras ópticas permitiu-nos através da combinação de diversos meios audiovisuais viajar num verdadeiro “teatro estelar” e sonhar com um mundo melhor.
    A Ciência através da tecnologia promove o desenvolvimento da Sociedade e o respeito pelo Ambiente.

    Inês Pássaro
    8ºB nº9

  5. Inês Pássaro Says:

    Actividade exprimental

    Material necessário:
    – 2 limões

    Procedimento:
    Colocou-se um limão no frigurífico ( à temperatura inferior a 5ºC) e outro esposto à temperatura ambiente (temperatura por volta dos 15ºC) e aguardou-se o mesmo determinado período de tempo.

    Factor abiótico ambos testado- Temperatura

    Resolutados: Verificou-se que o limão que se encontrava à temperatura ambiente começou, passado um determindo período de tempo a obter fungos, enquanto que o limão que se encontrava no frígurifico não se verificaram fungos.

    Conclusões: Que o factor abiótico Temperatura influência o crescimento dos fungos, conclue-se que estes fungos se desenvolvem melhor com temperaturas mais elevadas.

    Inês Pássaro
    8ºB nº9


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s